Petronet Informatica !

Nossa empresa é especializada na prestação de serviços direcionados à área de infraestrutura para tecnologia da informação, onde estamos habilitados a atuar em desenvolvimento de projetos tecnológicos diversos, que englobem soluções para redes corporativas de computadores.

sombra_menu




Fim do TrueCrypt


Data da Publicação: 09/06/2014


O Fim do TrueCrypt pegou a comunidade técnica de surpresa e está envolto em mistério. O TrueCrypt é um programa gratuito e muito conhecido que permite criptografar arquivos, pastas e partições. Ele está disponível para os internautas desde 2004, mas infelizmente o seu desenvolvimento chegou ao fim.

Fim do TrueCrypt por ser inseguro

Fim do TrueCrypt

Os responsáveis pelo TrueCrypt informam que o desenvolvimento do TruCrypt foi finalizado em maio de 2014 depois que a Microsoft finalizou o suporte ao Windows XP, e a aplicação pode ser considerada insegura e ter falhas de segurança que não foram corrigidas.

O site sugere o uso do BitLocker do Windows.

Com o fim do Windows XP, os usuários que migrarem para qualquer sistema operacional da Microsoft posterior a ele (Windows Vista, Windows 7 ou Windows 8.x) tem a opção do uso do BitLocker, que já vem embutido no Windows, tornando o TrueCrypt desnecessário.

A página oficial do TrueCrypt também mostra um passo-a-passo de como utilizar o BitLocker e discos virtuais .VHD

Mistério e comunidade técnica pega de surpresa

O fim do TrueCrypt surpreendeu a comunidade técnica, pois não havia nenhum sinal que a aplicação seria abandonada, e muitos acharam que o site havia sido hackeado e a notícia era falsa.

Depois de várias análises de especialistas em segurança como Steve Gibson do GRC e a empresa Sophos, analisaram a página e as informações postadas, concluiu-se que a noticia é verdadeira. A última versão disponibilizada para download (7.2) não permite a criptografia de dados; apenas a descriptografar arquivos existentes.

Para completar o mistério, os desenvolvedores do TrueCrypt são desconhecidos e não publicaram nenhuma informação adicional. O programa passou recentemente por uma auditoria de código para garantir que a aplicação é segura, não continha falhas nem backdoor (falha de segurança proposital que permite acesso externo), e a empresa que fez a auditoria publicou que nada foi encontrado ali.

Será que o fim do TrueCrypt é verdadeiro?

O TrueCrypt foi utilizado em 2008 pelo banqueiro Daniel Dantas para proteger os dados de alguns discos rígidos, e nem o FBI nem o INC (Instituto Nacional de Criminalística) conseguiram acessar os dados ali contidos.

Publicado Por - Baboo


Voltar